Você está aqui
Homem é condenado a 72 anos de prisão por inúmeros roubos e sequestros-relâmpagos Clipping Diário 

Homem é condenado a 72 anos de prisão por inúmeros roubos e sequestros-relâmpagos

O juiz Jarbas Luiz dos Santos, da 3ª Vara Criminal de Santo André condenou homem acusado de diversos crimes de roubo e extorsão mediante restrição de liberdade da vítima. Ele deverá cumprir 72 anos de reclusão, em regime inicial fechado, e pagar o equivalente a 2.160 dias-multa.

De acordo com a acusação, em diversas ocasiões no ano de 2015 o réu cometeu assaltos e sequestros-relâmpagos, fazendo mais de dez vítimas, a maioria mulheres – dentre as quais idosos e crianças. “Todas as vítimas, sem qualquer exceção, reconheceram o acusado tanto na fase administrativa como em juízo”, afirmou o magistrado na sentença.

Segundo o juiz, pesou contra ele o fato de ter antecedentes criminais, estar foragido do sistema prisional à época dos delitos e “a excessiva violência psicológica empregada pelo réu que, durante toda a empreitada criminosa, ameaçava as pessoas ofendidas, em algumas situações valendo-se daquilo pelo que elas mais zelam – a integridade física e bem-estar de filhos e genitores”. O reconhecimento da continuidade delitiva específica ou qualificada não implicou redução substancial da pena final devido à gravidade dos crimes, destacou o magistrado, citando jurisprudência do Supremo Tribunal Federal (STF).

“O que se evidenciou de forma insofismável foi a natureza ao mesmo tempo violenta e covarde da personalidade do réu”, concluiu. Cabe recurso da sentença.


Fonte: TJSP

Postagens relacionadas

Deixe um comentário